10 plantas que você pode ter sem saber que são letais.

post-flores-voce-sabia-destaque

Sabe aquela plantinha que você tem no jardim ?

Ela pode ser um forte motivo de preocupação, principalmente se você tem animais ou crianças pequenas em casa.

Pois é, caro leitor, embora não seja segredo que existem plantas capazes de fazer verdadeiros estragos quando consumidas, talvez você se surpreenda com o quão comum algumas delas podem ser e você pode estar cultivando algumas delas em sua casa.

Narciso (Narcissus poeticus)

Narcissus_poeticus_recurvus_gp

Facilmente reconhecível graças a sua flor branca com um tubo amarelo margeado por um anel avermelhado, o “narciso dos poetas” costuma florescer na primavera e ser perfumado. Embora as flores sejam sua estrutura mais venenosa, a planta inteira é tóxica, e o consumo acidental pode provocar fortes náuseas, cólicas, convulsões, desmaios e até a morte. Aliás, mesmo o contato com sua seiva pode causar amortecimento local e tontura.

Comigo-ninguém-pode (Dieffenbachia picta Schott)

Dieffenbachia_bauseii_blog

Todas as partes da planta são tóxicas. Causa sensação de queimação, edema (inchaço) de lábios, boca e língua, náuseas, vômitos, diarreia, salivação abundante, dificuldade de engolir e asfixia. O contato com os olhos pode provocar irritação e lesão da córnea.

Glicínia (Wisteria)

wisteria-blooms

Esta bela planta conta com flores brancas, azuis ou rosas que caem feito cascatas. Entretanto, toda sua estrutura é tóxica, e seu consumo pode provocar náusea, vômito, diarreia e cólicas. Em casos mais severos, é necessário o uso de medicamentos específicos e até hidratação intravenosa.

Rododendro (Rododendro)

rododendro-ou-azaleia-arborea

O rododendro — e aqui se incluem as azaléias — é uma planta arbustiva que normalmente mede cerca de 5 metros de altura e possui flores que podem ser vermelhas, brancas, roxas ou rosa. E apesar de deixar os jardins mais bonitos, a arvorezinha inteira é tóxica, e o consumo de qualquer uma de suas partes pode provocar salivação, olhos lacrimejantes, vômito, queda da frequência cardíaca, convulsões, coma e até mesmo a morte.

Hortênsia (Hydrangea macrophylla)

Hydrangea_macrophylla_Blauer_Prinz_1

A hortênsia é uma planta bem conhecida por todos e, além da cor de suas flores — em tons de rosa, azul e branco-esverdeado — indicarem o pH do solo, elas também são ricas em hidragina, um glicosídeo cianogênico cujo efeito é parecido ao de uma pílula de cianeto. Sua ingestão pode provocar falta de ar, tontura, desmaios, convulsões, problemas circulatórios, coma e até a morte.

Oleandro (Nerium oleander)

Nerium_oleander_flowers_leaves

Embora o oleandro seja extremamente popular em jardins de todo o mundo, a planta inteira é tremendamente tóxica e até mesmo a fumaça resultante da queima desse vegetal pode ser fatal. Uma única folha é suficiente para matar um humano adulto e, uma vez a planta é ingerida, as toxinas afetam o trato digestivo, assim como o sistema nervoso e o cardiovascular.

Copo de Leite (Zantedeschia aethiopica Spreng)

Zantedeschia_aethiopica_HRM

Todas as partes da planta são tóxicas. Ingestão e o contato podem causar sensação de queimação, edema (inchaço) de lábios, boca e língua, náuseas, vômitos, diarréia, salivação abundante, dificuldade de engolir e asfixia. O contato com os olhos pode provocar irritação e lesão da córnea.

Dafne (Daphne)

Daphne

Muito comum em jardins de várias partes do mundo — especialmente na Europa —, esta planta conta com belíssimas flores perfumadas e é rica em uma substância chamada mezereína. Além de possuir folhas tóxicas, a dafne produz frutinhos incrivelmente venenosos, e o consumo dessas estruturas pode provocar fortes náuseas, seguidas por vômito e hemorragias, além do coma e morte.

Poinsétia (Euphorbia pulcherrima)

euphorbia-pulcherrima

Também conhecida pelos nomes de bico-de-papagaio, rabo-de-arara e flor-do-natal, a poinsétia é muito utilizada no paisagismo graças às suas folhas vistosas que se parecem com flores vermelhas. Entretanto, sua é tóxica e, apesar de existirem apenas dois casos documentados de humanos que morreram em consequência do consumo acidental dessa substância, ela pode ser perigosa para bichinhos de estimação que adoram fuçar em plantas.

Chapéu-de-Napoleão (Thevetia peruviana Schum)

thevetia_peruviana01

Todas as partes da planta são tóxicas. A ingestão ou o contato com o látex pode causar dor em queimação na boca, salivação, náuseas, vômitos, cólicas abdominais, diarréia, tonturas e distúrbios cardíacos que podem levar à morte.

 

Compartilhe e deixe seu comentário!

Para decorar sua casa acesse: A Casa das Coisas

Créditos: imagens retiradas do Google.